Uma joia

Hoje o A Cor da Casa fala sobre uma parceria belíssima entre duas potências do design: a Portobello Shop, líder em varejo no segmento de revestimentos cerâmicos, e Antonio Bernardo, um dos mais importantes joalheiros brasileiros. Além de bela, é uma parceria histórica: é a primeira vez que um designer de joias participa do processo criativo da empresa em uma parceria multidisciplinar. Normalmente são convidados profissionais de arquitetura e designers de mobiliário e superfície. 

 

A linha “Atmosfera” é composta por três sofisticados painéis que combinam porcelanato e metal, produzidos pela Officina Portobello, e cinco relevos em monoporosa. A coleção recria o limite entre a superfície plana e o espaço, entre a joia e a arte. 

“O design autoral do Antonio Bernardo sempre encantou a equipe de design da Portobello. Fizemos o convite para ele integrar nossa Inovação Aberta e para nossa alegria, a admiração do Antonio pela Portobello era mútua e ele prontamente aceitou o desafio de desenvolver uma coleção com sua assinatura”, conta Pamela Golin, gerente de produto da Portobello. 

Assim como nas suas joias, em sua coleção para a Portobello, Antonio quis trabalhar com formas orgânicas e incluir o metal, seu material de trabalho. “A primeira vez que eu fui visitar a fábrica, observei que tudo era duro, plano e tinha ângulo reto. Eu tentei trabalhar isso. Não queria que a parede ficasse tão sólida, eu queria mais fluido. Leve, solto. As minhas joias também são leves”, explica o designer. 

Trabalhar com o metal, por sua vez, foi desafiador para Officina Portobello e sua arte de porcelanateria. Com cortes precisos de jato d’água e sobreposições de porcelanato com porcelanato e porcelanato em aço inox, criaram-se relevos que encantam. O aço recebeu tratamento para ficar com acabamento fosco, outra marca do designer. 

Os painéis são encontrados em três modelos: Eclipse, Ovni e Lua. 

 Eclipse revela uma das fases do nosso satélite em um relevo particular em composição com metal dourado e negro. 

Ovnis são formas não identificadas como óbvias, esculpidas na superfície do porcelanato, ora metalizadas, ora monocromáticas. 

Lua organiza esferas perfeitas e recebe metal de forma alternada. 

Além dos painéis, mais exclusivos, a coleção traz os relevos em monoporosa Aura, Espaço, Tempo, Ar e Espectro, opções mais democráticas, nas medidas 30×30 cm e 30×90 cm. 

Espaço e Tempo reproduzem volumes como ondas que se complementam. 

Aura interpreta as fronteiras sutis das esferas celestes em relevo assimétrico. 

Ar é a peça lisa para compor com os anteriores. Espectro reproduz graficamente as diferentes intensidades e amplitudes de um feixe de luz. 

O designer já se inspirou nos astros e fenômenos do universo para criar o anel Atmos e agora traz um pouco do seu olhar sobre o tema para a coleção desenvolvida com a Portobello  – que já está em lojas!