Quem são os cariocas na CASACOR São Paulo?

A estética e a técnica carioca estarão presentes na 33ª CASACOR São Paulo, que inaugurou no último dia 28 maio e fica em cartaz até 04 de agosto, no Jockey Club de São Paulo. Com o tema “Planeta Casa”, 75 ambientes vão abordar o conceito de lar como universo particular e cenário de mudanças e conexões que transformam o entorno e a comunidade. Nesta edição, o Rio de Janeiro será representado por cinco escritórios de arquitetura cariocas: Jean de Just, Duda Porto, Alexandre Gedeon e Hugo Schwartz da InTown Arquitetura, Studio Ro+Ca e BC Arquitetos.

Pela segunda vez na mostra, Duda Porto apresenta sua arquitetura de planejamento de eficiência, onde cada detalhe é pensado para o melhor aproveitamento de material, transporte, integração. A proposta do ambiente é retratar o equilíbrio perfeito na casa de 190 m² de área total, interna e externa, construída em apenas 40 dias.

O sistema Lite, que batiza seu ambiente, traz o conceito de casa modular atualizado com o novo jeito de morar. A casa foi idealizada com um quarto, mas sua planta flexível pode agregar até quatro deles, além de expandir a cozinha. Desmontável, pode ser facilmente transportada para outros terrenos, caso seja o desejo da família.

Duda Porto assina o Sistema Lite

A mobilidade foi o principal ponto de partida do Loft Mobili, espaço criado pelo escritório InTown Arquitetura. Projetado para um jovem casal, sua distribuição foi pensada de forma afetiva, com espaços fluidos e abertos que estimulam o convívio em ambientes integrados e funcionais.  

Com 108m², o Loft tem como principal tendência as soluções viáveis dos módulos habitáveis e suas diversas possibilidades de adaptação e versatilidade. A arquitetura é inovadora e itinerante, pois o rápido e inteligente sistema construtivo permite que sua estrutura metálica seja transportada semi pronta para ser remontada em qualquer lugar em um prazo de três a quatro meses, de acordo com o acabamento interno escolhido. Toda a montagem do módulo foi feita com parafusos, descartando o uso de soldas e o desperdício de materiais que, inclusive, foram reaproveitados do ambiente do escritório na CASACOR Rio de 2018.

InTown Arquitetura assina o Loft Mobili

 

Estreante na CASACOR SP, o Studio Ro+Ca foi convidado a fazer o espaço Leroy Merlin. Batizado de Casa Berilo Leroy Merlin, traz como característica projetual a mistura de materiais brutos e sofisticados. Tijolos de vidro; as luminárias Hollywood, com intervenção especial de Maneco Quinderé; brita telada; cozinha planejada; pastilhas brancas 5×5, piso vinílico, estantes e closets da loja colaboraram na criação de uma atmosfera jovem e cool.

O método construtivo utilizado para o retângulo onde está inserida a área íntima do espaço é o steel frame, da Leroy. Os profissionais optaram por esse modelo de construção por ser ecologicamente correto, rápido e limpo. Além disso, a poltrona Tina, desenho do arquiteto Carlos Carvalho, estrela no projeto.

 

Studio Ro+Ca assina a Casa Berilo Leroy Merlin

Com o espaço Terraço Aurora, a BC arquitetos, formada pela dupla Bruno Carvalho e Camila Avelar, inspirada pela poética contemporânea e minimalista que norteia o novo morar, assina do espaço de 130m² que segue uma narrativa delicada. Definido como uma experiência sensorial, o projeto esbanja design assinado, assim como intervenções artísticas e um incrível pé direito de 7m. Ele foi idealizado de maneira que os convidados consigam respirar, suspirar e se reconectar através dos elementos ali presentes.

 

BC Arquitetos assina o Terraço Aurora

A Varanda Palm Springs de Jean de Just, francês radicado no Rio de Janeiro, foi inspirada na arquitetura dos anos 1950-1960 dos Estados Unidos. Jardins secos, uma área aberta mas ao mesmo tempo coberta e o uso de pedras brutas nas paredes remetem à estética da cidade que dá nome ao espaço.  

Com uma releitura das portarias dos anos 1960, no Brasil, o arquiteto usou pastilhas, mosaicos e, no lugar dos cobogós, uma divisória de corda para tropicalizar. Outros elementos, com referências projetuais da arquitetura de Luis Barragán, na parede azul com os rasgos, e o azul Klein do jardim Majorelle, no Marrocos, também dão o tom do projeto. Instalada em um local de acesso a três projetos residenciais, foi desenvolvida como se fosse a entrada das casas. Ressalta a proposta de receber e não proteger e, por isso, é também um lugar multiuso, onde é possível descansar, almoçar, ler e conversar.

Jean de Just apresenta a Varanda Palm Springs

A CASACOR SP fica em cartaz até 04 de agosto de 2019 no Jockey Club de São Paulo – Av. Lineu de Paula Machado, 1075.