CASACOR São Paulo 2019

A CASACOR São Paulo chega a sua 33ª edição e foi inaugurada ontem com o tema “Planeta Casa” – o mote que norteia não só o evento paulista mas também as edições por toda a América neste ano. O conceito foi criado na tendência do lar como universo particular de cada indivíduo, onde as mudanças e conexões surgem e transformam o entorno e a comunidade. Três pilares essenciais foram escolhidos para traduzir o tema nos seus espaços: afetividade, tecnologia e sustentabilidade. A CASACOR São Paulo apresentarea 75 ambientes decorados -entre casas, lofts, lounges, salas, banheiros, estúdios e apartamentos – no Jockey Club de São Paulo de hoje a 4 de agosto.  

 

Desde 1986, a CASACOR, que é a maior das Américas, tornou-se referência nacional em décor e design e foi responsável por revelar os grandes nomes atuais do mercado – João Armentano, Roberto Migotto, Sig Bergamin, Brunete Fraccaroli, Débora Aguiar, Léo Shehtman e muitos outros.

 

Em 2019, a meta é deixar de produzir 450 toneladas dos mais diversos resíduos em todas as fases do evento e dar a destinação adequada para o restante. Apoiada nessa ideia de que melhor que reciclar é não gerar resíduos, uma das principais ações do ano acontece na bilheteria. Esse ano, a mostra deixa de imprimir 115 mil convites em papel e mais de mil passaportes plásticos e, quem adquiri-los antecipadamente estará contribuindo com a causa.

 

Confira um preview do que poderá ser visto na mostra:

“Deca Lab” por Ricardo Bello Dias

Em formato de nave, Ricardo Bello Dias apresenta um laboratório futurista onde a pesquisa é o cerne da inovação do design, um local que permite ao homem explorar o universo sem fronteiras. O Deca Lab possui 8 metros de diâmetro e é feito de uma estrutura metálica nas cores cobre e preto. A nave fica apoiada sobre um espelho d’água, e uma passarela atravessa a instalação, dando acesso pelos dois lados do ambiente.

“Cozy House” por Olegário de Sá

A sensação de chegar e não querer mais sair de casa; eis a provocação trazida pelo escritório Olegário de Sá. A atmosfera acolhedora distribuída em 100m2 emprega elementos do universo rústico como madeiras e pedras naturais, somadas a modernidade dos vidros estruturados, obras de arte contemporâneas e peças desenhadas em aço que se completam com delicadeza. A fachada, preservada pelo Patrimônio Histórico, foi revestida com vidro e recebeu um espelho d’água em mármore branco, conferindo arquitetura minimalista ao conjunto. No interior do loft, um pé direito duplo revestido com madeira de carvalho comporta biombos em marcenaria com vidros como divisórias.

 

“Café com Terraço” por Jóia Bergamo

Assinando o Café com Terraço, da Ofner, Jóia Bergamo surpreende com uma atmosfera acolhedora, suave e funcional no projeto de 250m2. Construído a partir de uma das casas tombadas do Jockey Club de São Paulo, o espaço traz aconchego nos tons terrosos em contraste com o grafite. Ao buscar referências para o projeto, a designer pensou nos diferentes estilos e personalidades, preocupando-se em criar formas de receber bem quem procurar por um minuto de relaxamento.

“Dolce Villa Todeschini” por Débora Aguiar

A casa de 480m2 traz estilo contemporâneo e “clean”, propondo um refúgio urbano sofisticado e elegante em meio à natureza. Um grande painel com brises metálicos em alumínio reciclado compõe a fachada, permitindo maior entrada de luz natural nos ambientes. A partir de um eixo central, a casa é dividida entre ala íntima e social, esta última, totalmente voltada para um jardim central com grandes portas de vidro que criam conexão interior-exterior. O hall de entrada expõe uma escultura do artista suíço Not Vital e abre caminho para o restante do

projeto, que traz muito verde com seus jardins e floreiras, pedras naturais e ambientes aconchegantes.

 “Lite” por  Duda Porto

 

A proposta do ambiente é apresentar o equilíbrio perfeito na casa de 190m2 de área total, construída em apenas 40 dias. Com uma mente inquieta e que busca novas soluções, Duda afirma que o sistema Lite, que batiza seu ambiente, traz o conceito de casa modular atualizado com o novo jeito de morar. Desmontável, a moradia pode ser facilmente transportada para outros terrenos, caso seja o desejo da família.

“Estúdio Plural” por Fernando Piva

 

O Estúdio Plural é resultado de um trabalho baseado na vivência e experiência do profissional Fernando Piva em mais de 27 anos de carreira. Em 89m2, o arquiteto concebeu um espaço democrático, voltado para as novas formas de morar, priorizando o bem-estar, a praticidade do dia a dia e o uso de materiais que tragam sensação de refúgio, tão necessário para a rotina contemporânea. Por se tratar de um espaço que pode ser usado por qualquer perfil de ocupante, tem a pluralidade de atender às necessidades de um público diverso, que exige praticidade no dia a dia e não abre mão do luxo.

“Atelier do Morar” por  Denise Barretto

 

Evidenciando a ligação com a arte, o ambiente de 130m2 flui por um mosaico espacial de texturas de madeira. Nas paredes, o material aparece em sua forma natural e no assoalho em carvalho claro. As cores cerâmica e terracota, lado a lado com vários tons de pedra, o design contemporâneo e as obras de arte dão continuidade ao fluxo proposto para o Atelier.

A CASACOR SP fica em cartaz de hoje a 04 de agosto de 2019 no Jockey Club de São Paulo – Av. Lineu de Paula Machado, 1075.