Let it Shine

Não é novidade para nenhum arquiteto que um bom projeto de iluminação faz toda a diferença no ambiente. E é isso que o A Cor da Casa destaca hoje: o belíssimo trabalho de lighting design dos ambientes da CASACOR. Os destaques de hoje ficam com Francisco Viana e Guido Sant’Anna, que assinam a Joalheria, Carla Pimentel, com o projeto da Praça das Palmeiras, Hannah Cabral e Monique Pampolha, com o Studio Neo e Fábio Bouillet e Rodrigo Jorge, responsáveis pelo Studio Premium. Confira abaixo!

Para a exposição de jóias, nada como uma boa iluminação para realçar a beleza das preciosidades. Foi pensando nisso que Chico Viana e Guido Sant’Anna chamaram a lighting designer Ines Benevelo para colaborar com o projeto de iluminação do ambiente. O objetivo foi criar uma atmosfera leve e alegre e ao mesmo tempo funcional. “As luminárias pendentes e arandelas foram desenhadas por mim e executadas em metal com acabamento niquelado. As linhas destas peças evocam a contenção sofisticada do Art Déco, um estilo eternamente associado à elegante despretensão carioca,” conta Chico Viana.

 

Joalheria, projeto de Chico Viana e Guido Sant’Anna em parceria com a lighting designer Ines Benevelo

A arquiteta e paisagista Carla Pimentel convidou sua parceira de longa data Adriana Vasconcellos, da A. de Arte, de Belo Horizonte, para colaborar com o seu primeiro espaço na CASACOR Rio: a Praça das Palmeiras. “O objetivo foi iluminar o ambiente externo valorizando as árvores, sem ofuscar a natureza,” conta Adriana. Para isso ela escolheu luminárias com tecnologia LED para iluminar as copas das árvores com toda a delicadeza. Destaque para as esculturas em forma de esferas que ela jogou na grama, que são peças de iluminação específicas para área externa, que variam a intensidade de luz e que não amarelam. Assim, criou-se um clima intimista na praça, que é o ponto de encontro da CASACOR Rio.

 “Praça das Palmeiras”, de Carla Pimentel, com projeto de iluminação de Adriana Vasconcellos

Fábio Bouillet e Rodrigo Jorge tem o jogo de luz e sombras como uma das assinaturas de seus projetos. E isso não é diferente no projeto deles deste ano para a CASACOR Rio, o Studio Premium. A dupla trabalhou o tema da “Casa Viva” tratando o ambiente deles como um ser vivo. Por isso, a iluminação do espaço foi pensada como um todo, e com objetivo de ser muito acolhedora. Eles procuraram trabalhar bastante com a luz indireta, que traz uma sensação de dramaticidade ao ambiente. “A gente acha a luz baixinha mais aconchegante, não queríamos iluminação de estádio de futebol!” brinca Fábio. Para isso usaram poucos focos e muitos abajures e luminárias pendentes. Destaque para as peças de design preciosíssimas que podem ser encontradas no ambiente, como a luminária “Serena”, de Patricia Urquiola, “Herecleum” da Mooi, “Taccia” da Flos e “Gramp” de Jader Almeida.

“Studio Premium”, de Fábio Bouillet e Rodrigo Jorge

Monique Pampolha e Hannah Cabral também buscavam criar um ambiente aconchegante através do projeto de iluminação. Para isso, optaram por uma iluminação mais cênica e quente, com lâmpadas com um tom mais amarelado que as convencionais, para que aquele studio se tornasse um ambiente acolhedor para o encontro de amigos. “A gente acredita que uma iluminação gostosa faz com que um jantar dure mais tempo, e que as pessoas se sintam confortáveis por longas horas ao redor de uma mesa,” conta Hannah em entrevista ao A Cor da Casa. E pensando no tema “Casa Viva”, a dupla optou por não colocar cortinas na bay-window para inserir a paisagem do jardim dentro da casa, aproveitando ao máximo a iluminação natural.

“Mas a cereja do bolo é a nossa criação ‘floating bed’, uma cama que através da iluminação indireta por baixo, dá a sensação de algo fluido, leve, uma verdadeira flutuação,” ressalta Hannah. Destaque também para a escolha de peças de design no ambiente, como a luminária de Claudia Moreira Salles no escritório e a luminária lançamento de Guilherme Wentz na cabeceira da ‘floating bed’.

“Studio Neo”, de Monique Pampolha e Hannah Cabral

Fotos: André Nazareth

A CASACOR Rio fica em cartaz até 4 de novembro, na Ladeira de Nossa Senhora nº 163 – Glória.