Inspiração: Pietro Ruffo

Pietro Ruffo é o nome da vez. Ele, que está de passagem pelo Rio para inaugurar sua exposição “Migrações – Constelações” no Centro Cultural dos Correios, é também o convidado do Istituto Europeo di Design para o IED Parla da semana que vem. O artista plástico, conhecido pelo seu trabalho com crianças sobreviventes da guerra da Chechênia e pela cenografia do desfile de Dior do ano passado, fará a palestra “Places and Power” sobre migrações e conflitos sociais através das linguagens.

Pietro Ruffo inaugura exposição no CCC e ministra palestra no IED Rio.

A prática de Ruffo – conhecido pela sua prática de arte, arquitetura e design- reflete suas intensas preocupações sociais e morais, bem como sua postura em questões éticas específicas. Questões relativas à natureza da liberdade estão no cerne da prática do artista italiano, pois suas obras exploram uma ampla gama de questões sociais, morais e políticas. O fenômeno da migração continua sendo um desafio para nossas sociedades contemporâneas. Seja por razões de clima, tensões políticas ou busca de melhores

condições econômicas ou religiosas, isso reflete “uma humanidade cada vez mais interconectada”, que supera as fronteiras geográficas e culturais.

O trabalho de Pietro Ruffo sobre as crianças do atentado de Beslan, Russia, em 2004

Em 2017, seu trabalho com mapas-mundi inspirou a coleção outono-inverno “Mind the Map”, da Dior. O italiano nascido em Roma aborda temas de espaço, cultura e ideologias políticas. E seu trabalho com mapas explora especificamente símbolos de liberdade e etnicidade. Foi por isso que a – também italiana -diretora criativa da grife francesa convidou Ruffo para assinar a cenografia do desfile. Cada parte da passarela no Les Invalides representava um dos cinco continentes, como por exemplo girafas e rinocerontes para representar a África e tigres e macacos para a Ásia.

 

 (Photo by Peter White/Getty Images)

(Photo by Dominique Charriau/WireImage)

 O desfile da Dior com cenografia de Pietro Ruffo em 2017

No Centro Cultural dos Correios, a exposição organizada pelo Instituto Italiano de Cultura do Rio, apresenta cinco grandes pinturas em nanquim sobre papel a partir do dia 08 de agosto. O tema, naturalmente, é sobre fronteiras nacionais com cenas históricas antigas de migrantes e povos nativos recompostos em narrações fantásticas e originais. Vários grupos étnicos, diversos níveis de pensamentos e ideias convergem para evocar contemporaneamente a perspectiva do artista sobre a questão mais controvertida e complexa dos tempos atuais.

O evento IED Parla acontece no dia 7 de agosto às 19h30 e é aberto ao público e gratuito, mas sujeito a lotação. A palestra será ministrada em inglês e não haverá tradução. O Istituto Europeo di Design (IED) do Rio fica na Avenida João Luís Alves, 13, Urca. As Inscrições podem ser feitas através do site: https://ied.edu.br/rio/evento/ied-parla-places-and-power-com-pietro-ruffo/.