Caderno de Cores

A partir do dia 02 de setembro os cariocas poderão conhecer de perto o trabalho do artista paulistano Fabiano Al Makul. Ele, que em São Paulo é queridinho de arquitetos e decoradores, como Fernando Piva, traz para a Um Galeria de Arte a individual “Caderno de Anotações”. Serão mostradas três séries de fotografias dentro de sua pesquisa sobre cor, que atua como elemento de conexão de diferentes assuntos, como detalhes arquitetônicos, paisagens, objetos, texturas, cenas urbanas, entre outros.

O artista cria conjuntos em média com 16 pequenas obras – os “polípticos” – que têm a predominância de uma só cor. Os diversos tons e materiais fotografados, agrupados como se fossem um grande quadro, levam o espectador a criar um ritmo com o olhar, que se detém em um detalhe e a seguir é atraído por outro. Na exposição estarão polípticos nas cores laranja, azul-marinho e lilás, em um total de cerca de 50 imagens.

makul-foto-1

Políptico Marinho (2016)

makul-foto-2-3

Detalhes do Políptico Marinho

 

makul-foto-4

Políptico Violeta (2016)

 

makul-foto-5

Detalhe Políptico Violeta

Outro interesse do artista, a fotografia em preto e branco, também será exposto com o registro de cenas do cotidiano caracterizadas pela simplicidade, e ricas em sombra e luz.  Serão 17 fotografias agrupadas em três polípticos: “Conflito”, “Caminhos” e “Elos”. Outras sete fotografias da série “Minha alma” serão exibidas separadamente.

 

makul-foto-6

Políptico Elos (2016)

makul-foto-7-8

Detalhes da série Elos

Economista de formação, Fabiano Al Makul reconhece que seu comportamento é quase compulsivo, por estar sempre ligado no que vê, e ser atraído por cenas na cidade a ponto de se desviar do caminho.  “Alguém deixa um paninho amarelo pendurado em uma porta turquesa, em um horário em que a luz está especial, e, pronto! A cena com alma está formada. A isso eu chamo de poesia do gesto”, explica o artista.

makul-foto-9

 Enquadrada (2016)

“Fabiano Al Makul – Caderno de Anotações” fica em cartaz na Um Galeria de Arte  de 02 de setembro a 15 de outubro. A galeria fica na Rua Garcia D’Ávila, 196.