Zanininho em Paris


Ele é jovem, talentoso, criativo e pioneiro. É o carioca Zanini de Zanine, que inaugura nesta quinta-feira a primeira exposição individual de um designer brasileiro em Paris. A convite da galeria parisiense James, e em parceria com a Espasso (que o representa em Nova York, Los Angeles e Londres), Zanine apresentará peças clássicas e inéditas numa exposição chamada “Selected Works”.

o designer Zanini de Zanine

a Galeria James, no Marais, bairro descolado de Paris

Expor em Paris não é uma novidade assim tão grande na vida de Zanine, afinal, anos atrás, morou um ano em inteiro na capital francesa para ajudar o pai a montar uma exposição no grande Museu de Artes Decorativas do Louvre. O ano era 1989, e José Zanine Caldas, o mestre, e pai de “Zanininho” tinha sido convidado para uma retrospectiva. O filho do mestre, aos 37 anos, é hoje a estrela do show.

 As grandes novidades da mostra são as cadeiras “Cepó” e “Pé”, criadas com madeira de demolição brasileira no estúdio do artista aqui no Rio. Entre as peças clássicas estão as cadeiras “Balanço” e “Espécies”. De acordo com a equipe de curadoria da galeria James, as elegantes criações de Zanininho fazem a ponte entre o design brasileiro moderno e contemporâneo. Orgulho carioca!

Cadeira “Pé”

Cadeira “Cepó”

Chaise Longue “Balanço”

Cadeira “Espécies”

A individual de Zanini de Zanine, “Selected Works”, fica em cartaz de 24 de março – 30 de abril na Galeria James, que fica na 20 Rue de Thoringy, no Marais, Paris.