Joia da Casa apresenta sete joalheiros de uma só vez

Mais uma semana do projeto Joia da Casa começa na Casa Cor Rio com a curadoria de Anna Clara Herrmann. E, desta vez, serão sete joalheiros de uma só vez. De 29 de setembro a 4 de outubro, ficam expostas na Joalheria Aymoré as peças de André Costa (Antonio Costa Atelier), Carla Buaiz, Isabella Escudero, Jeanne Faria (Byzance), Katia Muguet, Silvia Lima e Vanessa Scherer.

 

Coube ao designer de joias André Costa a tarefa de manter a produção, e alta qualidade estética, das peças do A. Costa Atelier que desde 1967 fabrica as joias idealizadas por seu pai, o joalheiro e ourives Antonio Costa. Na Casa Cor Rio, será possível conhecer um pouco desse trabalho.

Designer e diretora de criação da Byzance – joalheria especializada em peças handmade – Jeanne Faria leva à Casa Cor Rio a coleção “Islamorada” em que pedras e pérolas ganham status de arte.

 

 

Apaixonada por técnicas artesanais, Carla Buaiz gosta de utilizar materiais inusitados, como couro e chifre, mesclados a pedras preciosas e ouro criando peças contemporâneas, mas sem abrir mão de manter traços antigos, como a técnica de cravação com carretilha. Para a Casa Cor Rio, traz a coleção “Nós”.

 

Peças de Vanessa Scherer, Isabella Escudero e Katia Muguet

 

Isabella Escudero explora as formas orgânicas, com traços firmes e de forma livre, ao projetar joias com estética limpa e original. Silvia Lima se inspira na natureza para criar as formas abstratas e orgânicas de suas joias. Já a designer de joias Kátia Muguet cria joias luxuosíssimas. E Vanessa Scherer mistura ouro, jaspe, coral e quartzo rutilado para compor as joias da coleção “Organic”.

 

 

Esta é a quinta semana do projeto Joia da Casa, que há oito anos leva à CASA COR RIO o trabalho das melhores joalherias do país, sempre com a curadoria luxuosa de  Anna Clara Herrmann. Já passaram por lá Yael Sonia, Isabella Blanco, Miriam Namber, Daniela Norinder, Marcelo Tebet e Nelusha Araújo. As joias de todos são expostas na Joalheria Aymoré, espaço decorado pela arquiteta Marcella Bacellar, que tem como destaque uma interessante estrutura de madeira em malha além de móveis supercontemporâneos.