Like a Lady

Por muitas gerações, as mulheres precisaram adotar um estilo de vestir puxado pro masculino para serem aceitas no local de trabalho e respeitadas como boas profissionais. Hoje, décadas depois dessa grande mudança de paradigma, as mulheres já conquistaram o espaço profissional e abriram seus guarda-roupas para opções bem mais originais. Com o tempo, descobriram que conseguem impor autoridade e respeito usando a moda a seu favor. Afinal, as roupas podem ser peças importantes de comunicação (alô, alô, Princesa Diana!), e homens poderosos não tem como fugir muito da combinação terno e gravata.

É justamente desse tema que trata a exposição “Women Fashion Power”, no Design Museum de Londres. A mostra, desenhada pela arquiteta premiada Zaha Hadid, convida os visitantes a descobrir como mulheres importantes na nossa história usaram a moda como ferramenta de empoderamento.

A exposição é dividida em três partes. A primeira é o “corredor do poder”, onde são identificadas as 16 mulheres que mais nos influenciaram pelo estilo, começando com Hatshepsut, a rainha egípcia que usou elementos da moda masculina para estabelecer autoridade após a morte de seu marido, terminando com Hillary Clinton.

A segunda parte é uma linha do tempo de 150 anos que destaca os momentos da nossa história onde houveram mais mudanças no guarda-roupa feminino, como por exemplo a época do sufrágio universal.

A terceira e última parte apresenta perguntas e respostas com mulheres poderosas da atualidade, que atuam em diversos campos. De designers famosas, cantoras ou altas executivas, todas as mulheres selecionadas tem um estilo próprio e usam a moda a favor do sucesso profissional. Entre as selecionadas estão Diane Fustenberg, Charlene de Mônaco, Zaha Hadid, Anne Hidalgo, Charlotte Olympia Dellal (sim, a brasileira!), e Vivienne Westwood. Cada uma inclusive contribuiu com a exposição colocando a mostra um “look” próprio que representa o seu modo de vestir.

A curadora da exposição, Donna Loveday, conta que achou que já estava na hora de um museu analisar a relação da mulher, do poder e da moda. Especialmente como a moda é usada para que as mulheres encontrem seu espaço no mundo. Ela acredita que essa seja a proposta curatorial mais ambiciosa que o Design Museum já teve até hoje.

A exposição “Women Fashion Power” está no Design Museum até 26 de abril. O museu fica no 28 Shad Thames, ao lado da Tower Bridge, em Londres.