Inspiração Phillip Johnson

O A Cor da Casa se inspira hoje no trabalho do icônico arquiteto americano Phillip Johnson, que nos deixou entre vários presentes um projeto que quanto mais o tempo passa, mais contemporâneo fica. A Glass House, localizada em New Canaan, Connecticut, é um dos legados mais importantes de Johnson, que também assinou o projeto da New York State Theater, do Lincoln Center, o prédio da AT&T, também em Nova York, e o Dumbarton Oaks Museum, em Washington.

O arquiteto americano Philip Johnson

Glass House, projeto inovador de 1949

Inspirada no trabalho iniciado pelos modernistas europeus, a Glass House foi construída em 1949 para servir como residência principal do arquiteto. Em seu enorme terreno, vários pavilhões foram projetados no entorno da casa. Desde 2007 o complexo é visitado por curiosos do mundo inteiro – além de servir como referência arquitetônica para todas gerações.

A casa inteira nada mais é que um cômodo gigante que integra o morador com a natureza de uma maneira curiosa. Sem paredes (há apenas um bloco cilíndrico que serve como divisão do banheiro), a casa é aberta para o mundo. A linha divisória daquilo que é externo e interno foi totalmente borrada por Johnson.

planta da Glass House

Os arredores da casa também chamam atenção, especialmente a coleção de arte que Johnson tanto admirava. O arquiteto criou um espaço subterrâneo – uma espécie de bunker- para guardar seus mais preciosos tesouros, entre eles, uma enorme coleção de trabalhos de Frank Stella e Andy Warhol.

Painting Gallery, o pavilhão de pinturas do complexo

Além disso, outro pavilhão foi feito exclusivamente para esculturas, com um teto que ficou famoso por ser feito inteiramente com claraboias.

Sculpture Gallery, o pavilhão de esculturas do complexo

Inspire-se também nesse projeto que é também uma forma de pensar o mundo: de dentro para fora e de fora para dentro.