Decoração e arte no Vale do Café

Uma viagem aos tempos áureos do Ciclo do Café no Rio de Janeiro. É com essa proposta que a Fazenda São Luiz da Boa Sorte, em Vassouras, abre as portas de seu casarão histórico entre os dias 20 e 27 de julho para a segunda edição do Casa Real. Projeto idealizado pelos proprietários Liliana Rodriguez e Nestor Rocha, o evento é resultado da parceria entre artistas contemporâneos, decoradores e arquitetos convidados para ambientar todos os espaços do casario antigo.

Além da mostra, o Casa Real oferecerá quatro dias de palestras e workshops, integrando diferentes temas como, prataria, arquitetura, patrimônio e artes plásticas. A edição desse ano homenageia o artista francês Debret e a expectativa é de que aproximadamente 5 mil pessoas visitem a mostra.

Símbolo de opulência e riqueza características da época em que o café sustentou a economia do país, a Fazenda São Luiz da Boa Sorte proporcionará ao visitante um resgate da memória da região através da exposição Casa Real . Na qual o participante vai conhecer mobiliário e obras de arte dos séculos XVIII ao XIX e mergulhar nos hábitos e na cultura do império pelo trabalho de 36 profissionais da área. Nas fotos, você poderá ver um pouco do que os arquitetos, decoradores e paisagistas cariocas apresentarão na Mostra.

“Sala de Jantar Nobre”, por Roseli Muller. O mobiliário é português do século XlX, e o ambiente é composto por louças, cristais e pratarias do mesmo período.

“Sala dos Senhores”, por Thoni Litsz. O projeto foi montado com peças dos séculos XVII, XVIII e XIX, e inspirado na sala de senhores do palácio de Mônaco

“Quarto da Escrava”, por Guilherme Osborne. O quarto foi ambientado com tons claros de azul e bege mostrando um ambiente simples de um escravo que se tornou o coordenador dos escravos na casa grande.

“Jardim do Lago”, da paisagista Adriana Fonseca, que se inspirou nos tons degrades dos Bougainvilleas e Azaleas, da textura das folhagens da Alpinia zerumbet, no perfume das flores dos Lírio da paz, e da forraçāo roxa de Zebrina pendula que recobre o chão para criar o projeto.

A Casa Real  fica em cartaz na Fazenda São Luiz da Boa Sorte (BR 393, Rodovia Lúcio Meira, km 210, Vassouras, Rio de Janeiro) de 20 a 27 de julho. Estará aberta ao público, das 12h às 18h, com entrada franca.