Textile Art

Nos dias de hoje, falar sobre a parceria entre um estilista e um artista plástico não é grande novidade. As chamadas “colaborações” estão super em alta, tanto no Brasil quanto no exterior. Mas isso não foi sempre assim. No século passado, ter uma gravata estampada por um print Salvador Dali, ou um vestido todo com estampa Joan Miró, causava frisson com o público. Esse é o tema da exposição “Artist Textiles: Picasso to Warhol”, que está em cartaz no Fashion and Textile Museum, em Londres. A exposição exibe estampas criadas pelos grandes mestres do século XX, mostrando como usaram tecidos para tornar seus trabalhos mais relevantes e acessíveis para o público.

A exposição contém 200 peças, muitas das quais jamais foram expostas antes, assinadas por Matisse, Warhol, Picasso e outros nomes contemporâneos da época.

Geoff Rayner e Richard Chamberlain, os curadores da exposição, contam que o objetivo é mostrar como pessoas comuns tinham acesso a arte moderna através dos tecidos estampados pelos grandes artistas, seja no vestuário ou no estofamento de peças para a casa. 

Esse movimento não poderia ter acontecido se não fosse pelo momento vivido no pós-guerra, onde muitos desejavam trazer arte para dentro de casa. Consequentemente, artistas de renome da época passaram a incorporar suas estampas em sofás, cadeiras, poltronas…. Até que ventualmente, o movimento migrou também para a moda. E por ali ficou até os tempos de hoje.

A exposição “Artist Textiles: Picasso to Warhol” está em cartaz em Londres até 17 de maio de 2014. O museu Fashion and Textile Museum fica na 83 Bermondsey Street, Londres. Para mais informações visite o site do museu.