Graffiti na Casa

by Vanda Klabin

A curadora de arte Vanda Klabin conta ao blog sobre seu trabalho com renomados graffiteiros que estampam as t-shirts a venda na loja da Casa Cor na Península. As camisetas estão em display no espaço de Gisele Taranto, a Suíte do Casal.

As estampas das t-shirts foram realizadas por artistas que elegeram o universo da arte urbana para o desenvolvimento de seus trabalhos.   Esse conjunto de 14 artistas conquistaram a sua presença no cenário da arte contemporânea através de suas inúmeras experimentações e interferências no tecido da vida urbana.  Cada um acrescentou o seu valor estético ao projeto, coordenado por mim em parceria com a artista plástica Joana Cesar, para compor o closet da Suíte do Casal da arquiteta Gisele Taranto para a Casa Cor 2013. A renda será revertida em benefício do Hospital do Câncer e estão a venda na Loja do evento.

No sábado, os 14 graffiteiros  se reunirão neste sábado (02/11) no espaço do Maurício Nobrega, a Suíte da Cobertura, para um happy hour em comemoração dessa parceria.

Abaixo, o trabalho deles com as t-shirts com uma demonstração da arte que os inspirou para executá-las – além de um pequeno briefing de cada artista:

 

JOANA CESAR desenvolveu um código quando menina e passou a deixar mensagens pelas ruas do Rio de Janeiro. Participou de diversas exposições e hoje, além da pintura de rua, desenvolve um trabalho de colagem.

ANTONIO BOKEL – Artista plástico da nova geração, Antonio Bokel faz intervenções urbanas, telas, esculturas e instalações, criando uma ponte entre a arte de rua e o circuito fechado das galerias e museus.

GABRIEL BERNARDO ( O HOMEM- LEGO ) -Também conhecido como “Homem-Lego”, Gabriel Bernardo é integrante dos Coletivos “Vô Pixá Pelada” e    “Coletivo Gráfico”. Faz intervenções de colagem nas ruas da cidade, explorando as possibilidades de sua criação, o Homem-Lego.

LYNN COURT, carioca, formada em design pela Puc-Rio e hoje estuda Jornalismo na mesma faculdade. Lynn entrou no universo dos grafites por influência de um amigo, que a convenceu a passar seus desenhos dos papéis para os muros. 

BRAGGA é artista autodidata. Começou sua carreira pintando pelas ruas do Rio em 1998. A arte urbana já o levou a desenvolver projetos comerciais para marcas e a realizar intervenções na Holanda, Chile e Alemanha.

O ACIDUM é um coletivo de jovens artistas de Fortaleza. Liderado por Tereza Dequinta e Robézio, com traços delicados e cores vibrantes, o grupo pinta “seres absurdos” em escala quase sempre monumental nos muros das grandes cidades brasileiras.

 por TEREZA DEQUINTA

Mais conhecido como BIG, Bruno Carneiro Moscario é artista plástico, designer e professor de gravura da PUC-RJ. Participou de diversas exposições de graffiti mundo a fora, e suas figuras coloridas delineadas de preto podem ser vistas em vários muros da cidade.

ALÊ SOUTO nasceu no Rio de Janeiro, em 1973. Fez diversos cursos no Parque Lage, e usou a rua como suporte para sua pintura. Atualmente desenvolve performances. Alê atualmente  vive e trabalha no México.

JOÃO MAZZA pinta tentáculos de uma criatura misteriosa nas ruas do Rio de Janeiro.Misturando a repetição exaustiva, característica marcantes da pichação, com a escala e a técnica do graffiti, João Mazza fazer um híbrido inesperado.

PEDRO SANCHEZ é artista plástico, pesquisador e professor de gravura da UFRJ, e fundador do Coletivo Gráfico, que pesquisa o uso de meios de reprodução de imagens alternativos para produção de objetos gráficos e sua veiculação no espaço urbano.

SMAEL WAGNER é um dos pioneiros do graffiti no Rio, Smael vem desde 1998 mostrando seu trabalho pelas ruas e galerias do mundo. Dotado de um estilo próprio e inconfundível, seus traços são cheios de improviso, ritmo, e cores vibrantes.

FERNANDO DE LA ROQUE nasceu no Rio de Janeiro, em 1979. Sua obra desperta a atenção para certos mitos e tabus. Sua série mais conhecida revela orgias sexuais camufladas em formas orgânicas geométricas