Leitura no cinema

Foi com grande destaque na mídia que o Grupo Severiano Ribeiro inaugurou em 1942 o tradicional Cine Vitória, sediado no Edifício Rívoli – ícone do Arte Déco do Rio. O cinema, que já foi muito freqüentado pela elite intelectual carioca, esteve durante os últimos 20 anos desativado e esquecido pelo público.

Porém, os holofotes atuais destacam outra bela inauguração naquele mesmo local. Desta vez, não se trata de salas de cinema, e sim, de uma mega-livraria de ponta, com um catálogo de mais de 5,8 milhões de títulos de livros – a Livraria Cultura.

O Cine Vitória foi para Sergio Herz, CEO da livraria, uma oportunidade de ajudar a revitalizar o Centro do Rio. A loja de 3.200m²  foi inaugurada no final do ano passado com um lindo projeto arquitetônico assinado por Fernando Brandão. O retrofit da fachada encanta a todos que passam pela Rua Senador Dantas, saudosos do passado elegante da Cinelândia.

A Cultura, que já estava presente na cidade com a loja do Fashion Mall, tem ao todo onze livrarias pelo Brasil. A nova unidade é a segunda maior da rede, só perdendo para a loja-matriz do Shopping Villa-Lobos, em São Paulo.

A mais nova Livraria Cultura do Rio fica na Rua Senador Dantas, 45, na Cinelândia.