Palazzo Margherita: um sonho italiano

Francis Ford Coppola sempre teve paixão pela cidade de Bernalda. Foi nesse vilarejo no sul da Itália que sua família viveu por muitas gerações, até seu avô decidir imigrar para os Estados Unidos em 1904. Mas como muitas famílias ítalo-americanas, o elo entre os dois continentes nunca foi perdido.

 O encanto de Francis pela cidade de seus antepassados, e seu olhar empreendedor, viram uma oportunidade em 2004 – quando um tradicional palazzo da região foi colocado a venda; o Palazzo Margherita.

 Foi então que o cineasta teve a idéia de transformar aquele bello palazzo em um pequeno e charmoso hotel, com intenção de mostrar ao mundo a poesia daquela região desconhecida dos livros e rotas de turismo.

 Para isso, Coppola convidou o arquiteto e designer francês Jacques Grange para reformar o palazzo com muito charme e estilo. Grange transformou o espaço em um paraíso do design, com um mix dos estilos barroco, marroquino, e um toque de belle époque.

 

 

Cada uma das nove suítes do hotel, é inspirada em um dos membros da família Coppola. É claro que o da musa Sofia Coppola é um dos mais lindos– com paredes e o teto pintados em trompe l’oeil, estofados nas cores pasteis, e muito bom gosto. O projeto inclusive tem a mão de Sofia, que conhecida pelo seu bom gosto e contato com o mundo do design, não podia deixar de participar dessa aventura familiar.

Suíte Sofia Coppola


Suíte Sofia Coppola


Suíte Francis Coppola


O Palazzo Margherita não é o primeiro hotel-butique de Coppola. Ele também tem no seu portfólio, hotéis em Buenos Aires, Guatemala, Califórnia e Belize. Mas esse novo projeto é alem de especial, por envolver suas raízes familiares e o conhecimento profundo da região.

O Palazzo Margherita é o refugio ideal para quem quer descansar longe do buxixo, e perto do design.

Para mais informações, visite o site, e divirta-se.